O advogado é um dos profissionais mais importantes da sociedade, garantindo os direitos de pessoas físicas e jurídicas em todo o mundo. O dia a dia desse profissional envolve analisar contratos e processos, fazer reuniões presenciais com clientes, tirar muitas dúvidas e, é claro, as frequentes idas a fóruns para dar andamento a processos e participar de audiências.

atendimento via videoconferência

A maioria desses procedimentos envolve interação intensa com outras pessoas, uma realidade que está mudando rápida e radicalmente por conta da pandemia de Coronavírus, pois o nível de ameaça demanda cuidados específicos.

Na conversa de hoje falaremos sobre como o COVID-19 impactou a vida dos advogados, como o Judiciário está trabalhando durante a pandemia, como os profissionais do Direito estão contornando os problemas causados pelo Coronavírus, quais as precauções a serem tomadas e qual a importância do atendimento de um advogado durante essa crise, confira!

Quais os impactos do novo Coronavírus na vida dos advogados?

 impactos para os advogados

Com todo o contato envolvido no cotidiano dos profissionais da área de Direito, os impactos do novo Coronavírus podem ser facilmente observados na rotina de muitos advogados.

Por conta das recomendações sanitárias, as reuniões com clientes, tão comuns antes da pandemia, tornaram-se inviáveis, com a nova tendência sendo o advogado com atendimento via Whatsapp ou videoconferência.

A grande maioria dos escritórios de advocacia optou por aderir completamente ao atendimento remoto (Home Office), com os poucos que decidiram manter as portas abertas adotando divisões onde grupos de advogados intercalam períodos de Home Office, com intensificação os cuidados com a higiene e adotando a distribuição de álcool em gel.

Como o Judiciário está trabalhando durante a pandemia?

 Judiciário durante a pandemia

No dia 19 de Março de 2020, o Conselho Nacional de Justiça determinou a suspensão dos prazos processuais até o dia 30 de Abril do mesmo ano a fim de impedir a disseminação do novo Coronavírus. O Conselho também decidiu criar plantão extraordinário, permitindo a suspensão das atividades presenciais de magistrados e servidores.

O objetivo é garantir a manutenção de atividades essenciais como a distribuição de processos, serviços de advogados com atendimento remoto e funções administrativas.

O plantão extraordinário vai funcionar no horário de atendimento regular dos tribunais (que varia de acordo com cada unidade). A resolução garante que, neste período, serão apreciados os processos urgentes, com pedidos de liberdade e mandados de segurança, liminares, pedidos de prisão preventiva, temporária, de busca e apreensão e de interceptações telefônicas, entre outros.

Desta forma, a atuação do Judiciário mostra-se imprescindível para a manutenção da ordem e garantia do equilíbrio institucional do país ao garantir a segurança de todos os profissionais da área de direito durante a crise do Coronavírus.

Como os advogados estão fazendo para atender os clientes?

Como os advogados estão atendendo

Em face da pandemia que estamos enfrentando, os serviços de advocacia tem apresentado respostas ágeis à situação, visto que o Direito tornou-se ainda mais essencial durante este período. Afinal, há empresas que não respeitam as recomendações de manter seus funcionários em casa ou que tentam se aproveitar da situação de vulnerabilidade do consumidor para aumentar seus lucros, sendo missão do advogado defender o cliente nesse momento.

Aqui, a necessidade de um advogado com atendimento via videoconferência é inquestionável, pois é importante garantir a integridade jurídica do consumidor ao mesmo tempo em que se garante a segurança física tanto do cliente quanto do advogado ao evitar o contágio pelo COVID-19. Plataformas como o Hangouts Meet, do Google, foram liberadas para uso gratuito durante a pandemia a fim de viabilizar serviços como o auxílio do advogado com atendimento via videoconferência.

Tendo em mente a popularidade das redes sociais, especialmente do Whatsapp, que é uma grande febre no Brasil, também surge a figura do advogado com atendimento via Whatsapp, contando com uma proximidade ainda maior com o cliente, dada a grande integração da população com a plataforma. A simplicidade do Whatsapp também facilita o atendimento do advogado, pois a comunicação se torna mais ágil.

O bom e velho telefone também continua sendo uma opção muito viável e acessível, visto que a grande maioria dos cidadãos brasileiros possui um celular, garantindo que o consumidor não fique desamparado nesse cenário de crise.

Quais são as precauções que devem ser tomadas?

o que fazer se precisar de um apoio jurídico na pandemia

Por conta da crise do Coronavírus, um número considerável de cuidados deve ser tomado a fim de manter as atividades jurídicas sem disseminar a doença, tais como:

1 – Dê prioridade a advogados com atendimento remoto: É certo que nenhuma das partes deseja contrair o Coronavírus, então é interessante priorizar um advogado com atendimento via videoconferência ou Whatsapp. Dessa forma é possível manter a comunicação sem que nenhum dos dois contraia a doença!

2 – Priorize processos urgentes: Em um período tão conturbado para a Justiça, o ideal é limitar as ações judiciais a processos de maior urgência, como pedidos de prisão, ações contra empresas que tentam lesar o consumidor e etc. a fim de não sobrecarregar o sistema jurídico.

3 – Não atrase processos: Para os clientes, é interessante agilizar a apresentação de documentos comprobatórios a fim de tornar os processos mais rápidos. Para os advogados, o uso de ferramentas que permitam maior organização é essencial para garantir que os processos não atrasem, especialmente ao trabalhar via Home Office.

Qual a importância do apoio jurídico nesse momento de crise?

importância apoio jurídico

Frente a essa crise de proporções internacionais, o atendimento do advogado torna-se ainda mais relevante para impedir práticas abusivas de empresas que tentam tirar proveito do grau de dificuldade da situação para aumentar seus ganhos às custas do consumidor.

Em um período onde muitos trabalhadores foram demitidos ou estão com seus salários reduzidos, uma cobrança de dívida ou a recusa de um plano de saúde em fornecer medicamentos experimentais contra o Coronavírus pode causar enormes prejuízos financeiros ou até mesmo a perda de vidas. O papel do advogado nesses casos é resguardar o consumidor, garantindo que seus direitos sejam respeitados, especialmente nesse momento de vulnerabilidade.

Desta forma, advogados com atendimento remoto via videoconferência ou Whatsapp, além de ajudar o consumidor a lidar com os problemas da crise, conferem segurança a ambas as partes ao evitar o contágio pelo novo Coronavírus.

Gostou de saber mais sobre advogados com atendimento remoto via videoconferência? É importante lembrar que o apoio jurídico de um advogado é essencial desfazer burocracias e garantir o cumprimento dos direitos do consumidor. Procurando por advogado em São Paulo que possa responder perguntas sobre esse tema? Tire suas dúvidas com a Fux Associados! Contamos com advogados altamente capacitados para responder todas as suas dúvidas! Além disso, a Fux Associados está tomando todas as medidas citadas para garantir o melhor atendimento aos nossos clientes!

Fique atento ao nosso Blog e nossas redes sociais Facebook, Linkedin e Instagram para não perder nossas dicas sobre direito! Até mais!

 

 

Abrir WhatsApp
Olá 👋 Posso te ajudar? Se tem alguma dúvida sobre seus Direitos é só enviar uma mensagem 😉
Powered by